Sobre o Rosário

O INÍCIO EM CURITIBA


(Conforme escrito originalmente no livro de registro das Irmãs Dominicanas de Nossa Senhora do Rosário de Monteils em Curitiba).
Dois religiosos desta Província já se achavam nesta cidade, sendo o Revmo. Padre Claudio Cocolini P.º vigário, no Bairro Boa Vista, local onde o futuro Colégio se instalaria.


O pedido do Revmo. Padre Provincial foi acolhido com interesse e, no dia 22 de outubro deste mesmo ano, nossa Madre Geral e Madre Maria do Divino Coração, que acabava de receber o cargo de Superiora Regional, se dirigiam à Curitiba. Tomaram conhecimento com o Revmo. Frei Claudio que lhes mostrou o local do terreno de 9.600 m2 que a Prefeitura estava pronta para doar ao Colégio.


Em nove de abril de 1956, Madre Maria do Divino Coração aqui voltou e agora com Madre Maria Nelly, que era a designada para fundar esta nova Casa.


Somente em 25 de março de 1957, regressamos novamente em Curitiba, desta vez aqui estiveram Madre Maria do Divino Coração e Madre Maria Bernadete da Imaculada, Priora de nossa Casa de S. Paulo e Conselheira Regional. O terreno já estava localizado, pudemos vê-lo “in loco” juntamente com o engenheiro da Prefeitura, que nos mostrou as divisas. Achamos ótima a situação da área com 80 metros de frente por 20 metros de fundo.


Estivemos com o Sr. Prefeito Major Ney e o Presidente da Câmara Dr. Sebastião d’Arcanchy, bem como com o vereador Dr. Elias Karan, que nos afirmou que o terreno seria nosso, mas que era necessário que o processo da doação fosse votado pela Câmara. Todo esse trabalho é demorado. Paciência! As grandes árvores precisam ter raízes profundas e seu desenvolvimento é lento e perseverante. Assim mesmo, resolvemos nos instalar aqui em julho, a fim de estarmos alertas a Câmara e a Prefeitura no movimento do processo de doação do terreno, bem como começar a receber os primeiros alunos para o 1º e 2º anos primários.


O Colégio Nª Sª das Dores de Uberaba e o de São Paulo auxiliaram generosamente na construção do novo Colégio e já entregaram uma parte da importância para esse fim. Nossa boa Madre Geral Trouxe da França para a recente fundação um Missal Dominicano e um grupo do Rosário de Seiraz, mas, mais valiosas são suas bênçãos e seu interesse. Pessoas amigas têm se mostraram generosas em suas ofertas, mormente no que se refere à futura Capelinha.